Amiguinhos Amados

sexta-feira, 30 de julho de 2010

Bichinhos - Um filhote de cachorro não é..


Um filhote de cachorro é uma das criaturas mais atraentes da terra. Ele é a combinação de exuberância, humor, e afeto. Mas há muitas coisas que um filhote de cachorro não é, estes aspectos negativos merecem alguma reflexão antes de você levar para casa um pequeno filhote.

Um filhote de cachorro não é um brinquedo a ser desfrutado enquanto ele for uma novidade, e depois largado a parte em detrimento de uma diversão nova. Ele é uma coisa viva, que tem demandas físicas constantes e conhecidas, necessárias para que ele sobreviva.

Um filhote de cachorro jovem precisa de mais sono que uma criança humana, embora suas crianças possam brincar com ele. Ele precisa ser alimentado regularmente e freqüentemente, embora as refeições dele possam estar em conflito com os horários das refeições da família.

Um filhote de cachorro jovem é extremamente frágil. Crianças muito jovens podem infligir torturas não intencionais em um filhote de cachorro, especialmente em raças pequenas que tem ossos muito finos. Se uma pata dele quebrar é muito mais duro de tratar do que a quebra de um caminhão de brinquedo.

Um filhote de cachorro não é uma ajuda pedagógica garantida instilando um senso de responsabilidade em crianças. Se uma criança amar o cachorro dele, ele gostará de o escovar provavelmente, também de o levar para passeios, enchendo o prato de água dele, e fazendo outras tarefas. Um senso de responsabilidade pode crescer desta relação, mas é injusto ao animal pôr o bem-estar inteiro dele nas mãos de crianças.

Até mesmo as crianças mais amorosas cansam das tarefas diárias, e pais que tentam forçar o regime estarão pedindo por problemas. Infelizmente, é o filhote de cachorro que é o perdedor nesta batalha. As melhores lições de responsabilidade para seu filho não envolvem um cachorro. Os ensinamentos essenciais de alimentar, treinamento de disciplina básico recairão a um membro adulto da casa. Crianças podem ajudar com os trabalhos menos essenciais de cuidar e passear.

Cachorros e crianças dão um ao outro algo muito valioso no tempo em que passam juntos, a atenção que os adultos estão freqüentemente muito ocupados para dar na quantidade suficiente. Esta é a função principal de uma amizade de criança-cachorro.

Um filhote de cachorro não é barato. O dinheiro que você está pagando por um filhote é uma mera gota no balde comparado ao que gastará para o mantê-lo.

Haverá contas veterinárias para pagar por emergências e vacinações regulares e exames. Há aspectos legais de propriedade de um cachorro que você nunca pode deixar de considerar, pessoas podem reivindicar por danos pessoais, substituição de grama ou roupas de crianças do bairro rasgados em brincadeiras. E há o desgaste em sua mobília e tapetes.

Um filhote de cachorro não deve ser comprado num momento de emoção (De momento), ou pelo menos ele não deveria ser. A escolha do cachorro errado pode ser uma amolação interminável para uma casa, é muito mais fácil de adquirir um filhote de cachorro que adquirir a liberdade de um cachorro adulto. Abrigos animais estão inchando com cachorros que foram adquiridos por razões de emoção, ou sem investigação suficiente.
Cuidado na hora de "adotar" um bichinho, pois "Um filhote não é...

5 comentários:

  1. Certíssimo, amada!
    Fico doida literalmente quando ouço alguém dizer que vai dar um cão ou um gato pro seu filho de... dois ou três anos de idade. Como se fosse um brinquedo.
    Amei o post. Os bichinhos agradecem também.
    Beijocas, minha querida!

    ResponderExcluir
  2. Amiiiiga!
    Tem um presente pra ti no meu blog MY GIFTS!
    É só pegar!
    Bjkas!

    ResponderExcluir
  3. Um filhote de cachorro não é brinquedo.Exige responsabilidade,né?daqui a pouco entro no avião de volta das férias e deixo um beijo,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  4. Um filhote de cachorro é um compromisso de uma relação séria e responsável, até que a morte o separe de nós.

    ResponderExcluir
  5. Pois é...e pela falta de responsabilidade ou seria afeto? de determinadas pessoas é que me vi às voltas com cães,coisa que nunca havia programado na vida.Criei alguns,e ainda cuido de dois, "deixados" pelos familiares após pegarem pra criar e não quiseram mais.O fato é que,sem saber que amava cães me descobri amando-os.bjs

    ResponderExcluir

Volte Sempre
Lambeijos e Ronrons
Pepi,Xixo,Juja e Jujuba