Amiguinhos Amados

sexta-feira, 23 de julho de 2010

Bichinhos - Xixo...como ele é...


Uma das primeiras raças a chegar ao Brasil, de enorme popularidade, cativa pelos seus belos olhos azuis, tipo exótico e natureza amável.

Originária do Sião, atual Tailândia, a raça foi durante séculos criada e protegida dentro de templos.

Exemplares da raça eram dados como presente a visitantes ilustres pela família imperial do Sião, dessa forma aos poucos foi sendo introduzido em outros países.

Só no século 19 começou a surgir em exposições na Inglaterra e no início do séc. 20 na América.

A "voz" do siamês é legendária e ele gosta de conversar, assim como estar sempre junto ao seu dono. São afetivos, mas podem ser agressivos se provocados.

Variam individualmente seu temperamento, mas no geral podem ser vivazes, inteligentes e sexualmente precoces, ativos, ágeis, gostando de subir sobre os móveis.

Existe o Siamês oficial, de corpo bem longilíneo, orelhas grandes e cabeça triangular, e o não oficial do tipo mais encorpado, de orelhas pequenas e cabeça redonda, tão comumente visto por nós.

Aparentemente o tipo extra-oficial tem a preferência do grande público, que o prefere ao refinamento estilizado do tipo oficial.

A forma tradicional do siamês é a "máscara de foca" (seal-point), pontas castanho-escuras contrastando com o corpo castanho-claro.

Outras cores incluem "pontas chocolate" e "pontas azuis".

Uma coloração rara são os "pontas lilazes", onde o pêlo corporal é branco-glacial com pontas acinzentadas. Ultimamente novas cores se desenvolveram.

As pontas escurecem com a idade, portanto siameses jovens apresentam pontas mais claras.

O siamês possui linguagem desenvolvida, com grande variedade de miados e gritos para uso em diferentes ocasiões e os emprega para conseguir atenção.

Apesar de sua possante vocalização, detesta ruídos altos e gritos produzidos por outros.Também não gosta de ser deixado só ou ignorado e alguns deles desconfiam de pessoas estranhas.Não devemos esperar que sejam amistosos a prima vista.

Sujeitos ás freqüentes mudanças de humor próprias de sua natureza sensitiva, seu comportamento é pouco previsível. Ao escolher um dono a ele se apega firmemente, demonstrando muito ciúme e aborrecimento diante das atenções dispensadas a outros gatos ou pessoas. Relatos sobre manifestações de agressividade nas circunstancias descritas não são incomuns

5 comentários:

  1. Adorei!!!O Xixo é perfeito para o post!!
    Sabe, a mãe do Rodolfo era siamesa, o que faz dele um Sialata!
    Ele é grande e tem a postura de um siâmes.
    E as mudanças de humor então...
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  2. A Su e o Mila também já tiveram um Sialata, que adoravam. Pena que não o conheci.
    Lambidas carinhosas.

    ResponderExcluir
  3. Ele parece um "galã"...rs.As gatinhas se apaixonam à primeira vista.Muito lindo!bjs

    ResponderExcluir
  4. O Xixo é lindo demais e muito amado.
    Beijocas, ronrons e lambeijos!

    ResponderExcluir
  5. Olá, Xixo, aqui na Toca há dois meninos do Sião, o Onofre que completará 10 anos em 28/07 e o Godofredo, que não sabemos a idade, mas que deve girar também entre 10 e 11 anos, pois o resgatamos das ruas com a mão quebrada, mas hoje é um fofão.
    De fato estes dois são muuuuuuuuito ciumentos.
    Aqui na Toca me faltam mãos, braços e pernas para abraçar , acarinhar e prestar os favores todos que a garotada me cobra. Eu sempre digo que deveria ser um polvo, para dar conta desta galera!!!!
    Beijos em todos vocês no lar, e tenham um lindo final de semana, com saúde e muita paz.

    ResponderExcluir

Volte Sempre
Lambeijos e Ronrons
Pepi,Xixo,Juja e Jujuba