Amiguinhos Amados

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Bichinhos- NASCER PARA O ALÉM...


Há quem morra todos os dias.
Morre no orgulho, na ignorância, na fraqueza.
Morre um dia, mas nasce outro.
Morre a semente, mas nasce a flor.
Morre o homem para o mundo, mas nasce para Deus.

Assim, em toda morte, deve haver uma nova vida.
Esta é a esperança do ser humano que crê em Deus.
Triste é ver gente morrendo por antecipação...
De desgosto, de tristeza, de solidão.
Pessoas fumando, bebendo, acabando com a vida.
Essa gente empurrando a vida.
Gritando, perdendo-se.
Gente que vai morrendo um pouco, a cada dia que passa.

E a lembrança de nossos mortos, despertando, em nós, o desejo de abraçá-los outra vez.
Essa vontade de rasgar o infinito para descobri-los. De retroceder no tempo e segurar a vida. Ausência: - porque não há formas para se tocar.
Presença: - porque se pode sentir.
Essa lágrima cristalizada, distante e intocável.
Essa saudade machucando o coração.
Esse infinito rolando sobre a nossa pequenez. Esse céu azul e misterioso.
Ah! Aqueles que já partiram!
Aqueles que viveram entre nós.
Que encheram de sorrisos e de paz a nossa vida.
Foram para o além deixando este vazio inconsolável.
Que a gente, às vezes, disfarça para esquecer.
Deles guardamos até os mais simples gestos. Sentimos, quando mergulhados em oração, o
ruído de seus passos e o som de suas vozes.
A lembrança dos dias alegres.
Daquela mão nos amparando.
Daquela lágrima que vimos correr.
Da vontade de ficar quando era hora de partir. Essa vontade de rever novamente aquele rosto.
Esse arrependimento de não ter dado maiores alegrias.
Essa prece que diz tudo.
Esse soluço que morre na garganta...

E...
Há tanta gente morrendo a cada dia, sem partir. Esta saudade do tamanho do infinito caindo sobre nós.
Esta lembrança dos que já foram para a eternidade.
Meu Deus!
Que ausência tão cheia de presença!
Que morte tão cheia de esperança e de vida!

Texto: Padre Juca
Adaptação: Sandra Zili


9 comentários:

  1. Lindíssimo esse texto !Bela escolha para o dia!beijos,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  2. Queridos aumiguinhos, belíssimo texto, já diz tudo. Quem não tem esses sentimentos, como dizia o padre ainda hoje na missa, não é humano!
    É da natureza humana essa saudade, esse amor!
    Felizes de nós que ainda temos saudades, é sinal de que amamos e de que fomos amados um dia.
    Beijos, muita paz e luz, sempre Ana Clara - Toca dos Gatos.

    ResponderExcluir
  3. O amor é uma coisa linda e permanece conosco para sempre.

    ResponderExcluir
  4. Que lindo!!!
    O texto diz tudo!
    Todos devem ter sentimentos tão belos não é mesmo?
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Hola!!!!
    Muy bonito ;))))
    Aprovechamos para deciros que os hemos dejado un regalito en el blog!!!
    Besos

    ResponderExcluir
  6. Amiga e bichinhos amados!
    Hoje é dia de recordar os bons momentos que passamos com os nossos queridos que já se foram.
    Beijinhos e lambeijocas!

    ResponderExcluir
  7. Bela escolha para o dia de hoje! Beijinhos e afagos

    ResponderExcluir
  8. PRECIOSO TIENES GRAN HUMANIDAD,
    BSS

    ResponderExcluir
  9. Lindo!
    Afinal foram e são nossos melhores companheiros.

    Bjs no coração!

    Nilce

    ResponderExcluir

Volte Sempre
Lambeijos e Ronrons
Pepi,Xixo,Juja e Jujuba