Amiguinhos Amados

quinta-feira, 28 de setembro de 2017

Bichinhos - Para pensar hoje

A Assembléia dos Ratos
Era uma vez uma colônia de ratos, que viviam com medo de um gato, resolveram fazer uma assembléia para encontar um jeito de acabar com aquele transtorno. Muitos planos foram discutidos e abandonados. No fim um jovem e esperto rato levantou-se e deu uma exelente idéia; a de pendurar uma sineta no pescoço do gato. assim, sempre que o gato tivesse por perto eles ouviriam a sineta e poderiam fugir correndo. Todos os ratos bateram palmas: o problema estava resolvido. Vendo aquilo, um velho rato que tinha ficado o tempo todo calado levantou-se de seu canto. O velho rato falou que o plano era muito inteligente e ousado, que com toda a certeza as preocupações deles tinham chegado ao fim. Só faltava uma coisa: quem ia pendurar a sineta no pescoço do gato?
Esopo

Moral da história:
Falar é fácil, fazer é que é difícil.

domingo, 24 de setembro de 2017

Bichinhos - Uma excelente mãe


Recebí este vídeo da querida Calu
Achei muito lindo e gostaria de compartilhar com vocês.
Tenham todos um excelente dia.
Beijinhos da
Verena e Bichinhos.

sexta-feira, 22 de setembro de 2017

Bichinhos - Juja está pensativa

O que estará pensando a Juja?
Deixem nos comentários a resposta.

Nossa resposta:
Ração seca ou molhada?
Qual escolher?



domingo, 17 de setembro de 2017

quinta-feira, 7 de setembro de 2017

Bichinhos - O Menino Azul

O menino quer um burrinho
para passear.
Um burrinho manso,
que não corra nem pule,
mas que saiba conversar.

O menino quer um burrinho
que saiba dizer
o nome dos rios,
das montanhas, das flores,
– de tudo o que aparecer.

O menino quer um burrinho
que saiba inventar histórias bonitas
com pessoas e bichos
e com barquinhos no mar.

E os dois sairão pelo mundo
que é como um jardim
apenas mais largo
e talvez mais comprido
e que não tenha fim.

(Quem souber de um burrinho desses,
pode escrever
para a Ruas das Casas,
Número das Portas,
ao Menino Azul que não sabe ler.)
CECÍLIA MEIRELES
 
 

sábado, 2 de setembro de 2017

Bichinhos - Para Refletir



Sinto as dores que você sente
mas não posso me expressar.

Sou um bicho abandonado,
pela vida maltratado,
quase sempre escorraçado,
até mesmo apedrejado!

Vivo sedento e faminto,
ninguém quer saber o que sinto!
Se fico doente e triste
Vem logo a sentença fatal:
-Melhor matar este animal!

-Ele deve estar raivoso!
Para sua comodidade
vive dizendo inverdade,
fazendo muita maldade.

Mas para a raiva humana,
ainda não existe remédio,
com toda a evolução na história da medicina!

Olhe bem para meu semblante:
- Estou triste, apavorado,
pois a qualquer instante,
posso ser sacrificado!

Mas você não se importa
nem com o seu semelhante!
- Você sim, está doente,
egoísta, indiferente.

Mas se algo ruim lhe acontece
logo lembra que Deus existe,
chora, reza e faz prece...

Mas Deus só ajuda aquele
que de todos se compadece.

Lembre-se do que escreveu
São Francisco de Assis:
- Quem maltrata um animal
jamais poderá ser feliz!
 

Autoria Desconhecida